Make your own free website on Tripod.com

PUBLICIDADE:

d'artagnan juris

Ano III - Nº 28 janeiro 2002.

MACEIÓ-ALagoas 
BRASIL

doutrina:

diversos:

ANUNCIE

DOUTRINA

E-BOOKS

ENViar TEXTO

LINKS

OPINIÃO

PARCEIROS

POEMAS

PRÊMIOS

RÁDIO 

RECOMENDE

UT. PÚBLICA

refletir

.::CONTATO::.

Clique na figura abaixo e fale conosco.

.::NOTÍCIAS::.

 

.::CADASTRO::.

Clique aqui para receber os nossos boletins mensais. CADASTRE-SE!

ENQUETES

Você gostou do novo visual deste Site?
Sim
Não
Votar
resultado parcial...

Você apóia a guerra que os EUA querem promover?
Não
Sim
Não sei
Votar
resultado parcial...

<< VOLTAR

.:: IMPRIMIR ::.

.:: AJUDA ::.

POEMAS - Raios de Luz  (ASG)

Contador de visitas

Propositadamente o destino busca renovar
As emoções introducionais das respectivas ilusões.
Transformando o antigo no novo,
Ressuscitando o espectro do fato gerador dos encontros
Postos em jogos contínuos de luta, vitória e perda, vindas de olhares

Raios de luzes que nunca se mostram na luz,
Sendo vistos apenas no escuro da carência eterna,
Na busca de novos horizontes cabe-nos tentar unir o céu e o mar

Fontes de esplendor ante da morte, de sentimentos antinômicos,
Unindo placas distantes,
Procurando minimizar os efeitos desse avassalador encontro.

Frutos poderão surgir ao final da explosão sentimental,
Transcendendo a imagem daquele ser que estará ali,
Nos buscando, assim como o buscamos em cada brilho de luz,
Que surgir na escuridão da nosso carência.

Alessandro Samartin de Gouveia – 11/06/2000